A ALEGRIA DE SUA CRIANÇA INTERIOR É CONTAGIANTE

dois dragões

A ALEGRIA DE SUA CRIANÇA INTERIOR É CONTAGIANTE

Apresentação sobre o poema “As Crianças e a Bruxa Rosnilda”

http://blogpaixaoporhistorias.com.br/?p=866

A todo o momento trocamos de máscara nas interações sociais. Essas máscaras, porém, não se aderem à vivacidade da criança. A criança é autêntica e se expressa com alegria. Dentro dela, existe uma energia que se assemelha à lava de um vulcão. E essa lava, em vez de destruir o caminho por onde passa, queima a tristeza e a desesperança.

A criança é feliz porque ela escolhe ser feliz hoje. Ela não condiciona sua felicidade ao acúmulo de conquistas. Ela não se prende nem ao passado, nem ao futuro. Na sua inocência, o único tempo que existe é o agora.

Se pudéssemos abandonar nossas máscaras e parássemos de adiar a felicidade, deixaríamos de ser ranzinzas como a bruxa Rosnilda e nos tornaríamos alegres, porque redescobriríamos em nós a criança interior.

Você, que está me ouvindo neste exato momento, é uma criança ou um adulto?… Se for uma criança, você não precisa de conselhos. Mas, se você for um adulto, reflita por um momento… Procure identificar as máscaras que você usa diariamente… E verifique com que frequência você diz “Eu serei feliz quando…”, ou “Eu só serei feliz se…”. Jogue fora todas as condições que você estabeleceu para si mesmo, e comece a pular de alegria, como as crianças ao redor da bruxa Rosnilda.

Sisi Marques

Sobre Sisi Marques

Sou apaixonada pelos personagens e pelas histórias que povoam a minha imaginação. Amo escrever, porque é através da escrita que consigo registrar os momentos maravilhosos que essas realidades mágicas me proporcionam.
Esta entrada foi publicada em SISI MARQUES e CAETANO, um de seus personagens. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>