FLORÊNCIO (Capítulo XIX)

Quando Cibele chegou à árvore de Crisélia, entrou no quarto que pertencera a Anabel e, atirando-se na cama, continuou a expulsar, através do choro, toda a mágoa que sentia.

Ela não percebeu quando Eliel surgiu silenciosamente e passou a observá-la. Após vencer a hesitação que o acometera por alguns minutos, ele se encorajou a aproximar-se. Sentando-se na beira da cama, ele começou a acariciar os cabelos de Cibele enquanto dizia:

– Eu não tencionava fazê-la sofrer. Consegue me perdoar?!… Ontem, quando eu a vi nos braços de Tadeu, tive a certeza de que era ele quem você desejava que estivesse ao seu lado e não eu. Quando você se virou e caminhou na minha direção, eu desejei abraçá-la e envolvê-la em um beijo ardente, mas a lembrança da cena que eu presenciara formou uma barreira que eu não consegui vencer. Hoje você afirmou que eu não soube valorizar o seu amor. Essa afirmação também serve para você porque, a história do nosso amor, você não construiu sozinha. O meu amor por você é tão imenso que pode se curvar e abraçar a amizade que há entre você e Tadeu sem julgá-los. A propósito, ontem quando ele se despediu de você, ele não retornou ao Coração das Fontes. Em vez disso, ele passou a noite na casa de Felizardo.

Cibele, embora permanecesse em silêncio, escutava amorosamente e já havia parado de chorar. Ela levantou para sentar-se na beira da cama ao lado de Eliel. Contemplando e acariciando o seu rosto marcado pelas lágrimas, ele ensaiou um gracejo para fazê-la sorrir:

– Florêncio mexeu com a garota errada e receberá o que merece. Pelo menos agora ninguém mais poderá dizer que eu fui o único a beijar Derlo. Apenas uma lacuna foi deixada em seu plano. Você disse que entregaria a chave e a esfera à sua mãe e, no entanto, você precisou trazê-las de volta. Como Derlo, se passando por você, poderá explicar o desaparecimento da chave e da esfera?

Cibele respondeu:

– Ele dirá que o gênio inescrupuloso o enganou e roubou a chave e a esfera antes de partir.

Eliel, contemplando os olhos de Cibele, confidenciou:

– Eu fui àquele porão porque acalentava a esperança de tornar a vê-la. Só lamento não ter sido eu o primeiro a recebê-la. Vamos voltar para a nossa árvore? Temos que aprender a dialogar, a resolver as nossas divergências sem nos afastarmos. Eu não quero viver longe do seu amor nem por um segundo. Venha, porque há algo que preciso lhe entregar.

Num piscar de olhos e num estalar de dedos, os dois estavam juntos na sala da árvore. Ele foi até o quarto e apanhou, na gaveta da penteadeira, a caixinha que continha o anel que ele confeccionara. Retornando à sala, ele o ofertou a Cibele enquanto dizia:

– Este anel foi confeccionado com fibras da minha árvore, e a pedra foi um presente de Lorena para você: ela contém a água da Fonte Mais Pura. A intenção inicial era criar um artefato que anulasse a influência de Florêncio, como a magia do unicórnio conseguiu fazer.

Cibele exclamou:

– É lindo! Obrigada, Eliel.

Ele acrescentou:

– Talvez este anel possa transportá-la para o Coração das Fontes da Juventude sempre que você desejar visitar Tadeu e Lorena. Prometo não interferir mais na sua amizade com Tadeu e saberei compreender se, algum dia, você não conseguir resistir ao desejo de beijá-lo.

Corando, Cibele murmurou:

– Eu prometo não…

Cibele não teve a oportunidade de firmar a sua promessa de não mais beijar Tadeu porque Eliel interrompeu-a quando a beijou docemente.

FIM DA PARTE 2 (FLORÊNCIO) DE “REALIDADE MÁGICA – LIVRO 2”.
Sisi Marques
02/11/2013

♣ ♣ ♣ ♣ ♣ ♣
NO PRÓXIMO SEGMENTO, NÃO PERCA O INÍCIO DA PARTE 3 (A DIMENSÃO DOS ELFOS) DE “REALIDADE MÁGICA – LIVRO 2”.
♣ ♣ ♣ ♣ ♣ ♣

Grata,
Sisi Marques

Que os seus sonhos se realizem!

Sobre Sisi Marques

Sou apaixonada pelos personagens e pelas histórias que povoam a minha imaginação. Amo escrever, porque é através da escrita que consigo registrar os momentos maravilhosos que essas realidades mágicas me proporcionam.
Esta entrada foi publicada em FLORÊNCIO (LIVRO 2 - PARTE 2). Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>